Dicas do editor de texto vi

fevereiro 4, 2009 às 11:59 am | Publicado em linux, mac, nerd, nerdices, tecnologia | 2 Comentários
Tags: , , ,

#deleta varias linhas que comecem com determinados caracteres

:g/^ads/d

#deleta determinado número de caracteres

:g/^.\{44}/s///

#Altera a primeira ocorrência dos caracteres do arquivo

:g/alterar/s//

#Altera todos os caracteres do arquivo

:g/alterar/s///g

#insere um caractere no inicio da linha

:%s/^/text/

#insere um caractere no final da linha

:%s/$/text/

#insere um caractere no inicio da linha

:g/^/s//inserir/g

#insere um caractere no final da linha.

:g/$/s//inserir/g

#quebra a linha de com base em um determinado separador

:g/separador/s//^v^m/g

#insere o conteúdo do arquivo neste ponto

:r arquivo

#substitui “(999” por “(NULL”

:s/([0-9][0-9][0-9]/(NULL/g

#Após selecionar o bloco de informações, para identificar com dois espacos

:s/^/

#Após selecionar o bloco de informações, para identar com menos dois espacos

:s/^ //

#excluir todos os caracteres antes da palavra “Digitador” do arquivo

:%s/.*\(Digitador\)/\1

#excluir todos os caracteres antes da palavra “Digitador” de uma linha

:s/.*\(Digitador\)/\1

#Retira a quebra de linha automática do VI

:set nowrap

PS: já salvou minha pele várias vezes… hehehe

Finalmente, Gentoo no laptop

junho 23, 2007 às 3:23 pm | Publicado em gentoo, kde, linux, nerdices | 4 Comentários

gateway

Depois de muito enrolar e hesitar para por o Gentoo no notebook, aqui estou eu. Consegui instalar o 2007.0 no meu Gateway MX6453 sem grandes problemas. Sem dúvida, o maior problema foi saber o que habilitar e desabilitar, como fazer tudo funcionar.

O MX6453 é uma máquina relativamente nova da Gateway, com processador Turion64 X2, 2GB de RAM e um cartão de vídeo da ATI Xpress 200M – uma placa especial para laptops. O lspci completo da minha máquina pode ser encontrado no post sobre o Ubuntu, assim como no arquivo que diponibilizei no fim do post.

Instalei a versão i686 do Gentoo ao invés do AMD64, e quem sabe se eu julgar necessário, no futuro instalo a versão AMD64. Por hora ficarei com a i686 mesmo, que está muito rápida. Segundo alguns benchmarks que andei vendo por aí, a diferença entre amd64 e i686 não é grande, nem considerável para um usuário desktop.

Estou fazendo este post, na verdade, pra documentar a instalação do Gentoo Linux 2007.0 no hardware apresentado. Disponibilizo, também, um tarball que contém alguns arquivos de configuração que criei para instalar o Gentoo aqui, entre eles, um make.conf adaptado prum desktop-laptop com suporte à formatos de áudio/vídeo bastante populares (KDE, windows codecs, mp3 etc), meu xorg.conf e o config do meu kernel, em que habilitei todos os componentes deste Gateway.

Para quem acaba de entrar no navio, seguem algumas páginas que usei pra configurar os dispositivos do notebook no Gentoo..

Bem..fica a documentação, quem sabe uma hora transforme isto numa página com mais informações ou mesmo arranje um tempo pra formatar o post pro Gentoo Wiki mais com mais detalhes.

Screenshots (KDE 3.5.7 on Gentoo 2007.0)

Baghira Dark Plastic + KDE

Carro 77 – Indy 500

maio 23, 2007 às 7:45 pm | Publicado em diversão, linux, tecnologia | 1 Comentário

A próxima corrida das 500 milhas de Indianápolis terá um carro interessante. É o carro 77, um carro azul com motor Honda pilotado por Roberto Moreno. Além de o piloto ser brasileiro, a novidade é que o carro é patrocinado pelos usuários Linux. Através das doações dos usuários que usam Linux, o pessoal do http://tux500.com/ colocou um carro Linux para correr.

tux_car1_497×208.jpg

As 500 milhas de Indianápolis são uma prova tradicional no campeonato de Formula Indy americano. Desde 1911, a etapa do campeonato é disputada e tem vários convidados. O vencedor leva 1 milhão de dólares americanos.

O carro será o #77 e o objetivo é ter o logo do Tux proeminente no carro e o nome da Scuderia acabar com – Motorsports Team Linux. É válido lembrar, que esse nome vai aparecer em todas as estatísticas da corrida, portanto trata-se de uma estratégia de marketing fortíssima. Entretanto, para que isso ocorra, o projeto tem que alcançar o objetivo de arrecadação de dinheiro, ambiciosos 350 mil dólares!

O pessoal do Tux500 tá fazendo um trabalho bem legal, merece o mérito. Na página oficial deles tem mais informações. Deixo o vídeo deles aqui pra quem quiser curtir..

E vamos torcer!

Próxima Página »

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.